quinta-feira, 6 de julho de 2017

DIRETORIA DO SETE DE SETEMBRO AINDA NA LUTA

Depois da renuncia do Presidente do executivo do Sete de Setembro, o vice-presidente, o presidente do Conselho junto com outros membros da diretoria estão buscando, junto a empresas e prefeituras da região, apoio para que o clube participe do Campeonato Pernambucano da segunda divisão (sub 23) que tem início previsto para o próximo mês.

Para que isso se trone realidade o clube precisa saldar um débito superior a R$ 30.000,00 (trinta mil reais) junto a FPF-PE. Caso este débito não seja pago, o clube não participará da competição e ainda será desfiliado da FPF, visto que este é o último ano de carência para o alviverde Garanhuense.

O problema é que o prazo está se esgotando e para que o Estádio Gigante do Agreste venha ser aprovado pelos órgãos fiscalizadores terá que sofrer algumas reformas especialmente nas cabines de imprensa, vestiários de arbitragem e dos clubes e alguns setores do Estádio.

ELENCO - Apesar da  dispensa do elenco e a comissão técnica que estava trabalhando no Gigante do Agreste,  isto não vai ser problema pois existe uma empresa, parceira do Sete de Setembro, que banca o elenco cabendo ao alviverde bancar alimentação, estadia  e transporte dos atletas e comissão   para os jogos.

Ainda durante esta semana teremos notícias de sim ou não, se o Sete vai ou não participar do pernambucano 2017.

Nenhum comentário:

Postar um comentário