segunda-feira, 25 de agosto de 2014

PERNAMBUCANO DE FUTSAL, TIGRE CONTINUA JOGANDO FORA DE GARANHUNS

Garanhuns matem, a cada dia com mais exclusividade, o seu e exclusivo título de "terra do já teve". Agora isto vale também para o futebol.
Depois de perdermos empresas e órgãos públicos para outros municípios, alguns bem menores que Garanhuns, estarmos há muito tempo excluídos da elite do futebol profissional pernambucano, agora é a vez do futsal. O Tigre, ex-Garanhuns, agora está radicado em Recife pois é na capital e cidades da região metropolitana que o clube manda seus jogos. Com razão e menos despesas pois do Tigre só alguns diretores moram aqui.

Outro dia escrevemos algo a respeito da ausência do clube em nossa quadras, recebemos uma ligação da diretoria do Tigre nos relatando que o clube vai voltar a jogar em Garanhus pois isso só não acontece agora por falta de quadra. Garanhunes tem, pelo menos, 6 quadras: SESC, Mons. Adelmar, Diocesano, Municipal, Santa Sofia e Colégio XV e, não sabemos o porquê, nenhuma é cedida ao Tigre para realizar seus jogos. O que está acontecendo? As quadras não comportam a torcida do Tigre, o clube só joga em quadras profissionais a exemplo do Arrudinha, Náutico e Maurício de Nassau, etc?  A verdade é que, depois que o Central assumiu e hegemonia do futsal do interior, Garanhuns recolhe-se a sua insignificância reforçando e ratificando o nosso título: "Cidade do já teve", também no futebol.

Esperar o que?

Nenhum comentário:

Postar um comentário